Sóbrios, Firmes, e Convictos: Uma Etnocartografia dos Straightedges em São Paulo
Annablume
Product ID: 667
Product SKU: 667
New In stock />
Sóbrios, Firmes, e Convictos: Uma Etnocartografia dos Straightedges em São Paulo

Sóbrios, Firmes, e Convictos: Uma Etnocartografia dos Straightedges em São Paulo

Marca: Annablume

Carregando...
Simulador de Frete
- Calcular frete

O livro que o leitor tem em mãos é uma verdadeira imersão no universo do grupo straightedges de São Paulo. Trata-se de uma etnocartografia das práticas adotadas e difundidas por esses jovens que ganharam destaque no cenário musical punk/hardcore brasileiro por adotarem um estilo de vida pautado na abstinência de drogas, lícitas e ilícitas, como também por defenderem uma dieta vegetariana. É curioso como esse grupo visto com certo pré-conceito pela sociedade e por outros grupos de jovens - já que uma evidente rebeldia convive com elementos arcaicos e conservadores que, aliás, é típico das chamadas tribos pós-modernas como tão bem apontou Maffesoli - ganha na percepção de João Bittencourt, um colorido diverso. Para tanto a união de duas tradições metodológicas - a etnografia e a cartografia - permitiu ao pesquisador uma nova perspectiva, pois se a etnografia abre a possibilidade de aproximação do grupo estudado para obter uma melhor compreensão de suas práticas, a cartografia ajuda o pesquisador a compreender os movimentos do desejo, a apontar linhas de força, as intensidades e os afetos que compõem as distintas formações subjetivas. São essas linhas de força (molar, molecular e de fuga) que engendram cartografias menos ou mais territorializadas - tanto do grupo estudado, os straitghtedges, como a do próprio pesquisador. Com a utilização desse método, foi possível obter uma leitura diferenciada do estilo de vida straitghtedge e das práticas que o compõem, percebendo esse fenômeno como resultado do embate entre fluxo e representação. Essa junção metodológica permitiu ainda, ao autor, apreender as mudanças no plano molecular provenientes dos processos de subjetivação e de subjetivação. Vale dizer, não lhe escapou aquilo que está em constante movimento, o que escapa às representações, o que não se fixa com facilidade. Amnéris Ângela Maroni

Deixe seu comentário e sua avaliação







- Máximo de 512 caracteres.

Clique para Avaliar


  • Avaliação:
Enviar
Faça seu login e comente.

Características


  • Autor: João Batista De Menezes Bittencourt
  • ISBN: 9788539106899
  • Editora: Annablume
  • Edição: 1
  • Encadernação: Brochura
  • Idioma: Português

Confira os produtos