Atualizando informações ...

A Conquista dos Sertões de Minas

Ref: 9786525209388
Marca: Editora Dialetica

Não disponível

Enviar
Avise-me quando estiver disponível
Descrição Geral
No século XVIII, a Capitania de Minas Gerais tinha sua configuração territorial indefinida. Este trabalho mostra quem foram os primeiros habitantes da nascente do S. Francisco, Serra da Marcela e Quilombo do Ambrósio e a forma como a terra era distribuída e explorada, bem como os ritmos de povoamento no período compreendido entre 1737-1790. Trata-se de uma sociedade baseada na grande propriedade rural e fundamentada na economia de subsistência. O ritmo de ocupação foi impulsionado por uma expedição realizada em 1769 em busca de ouro e investigando a presença de quilombos. A conquista e ocupação do Alto S. Francisco não podem ser vistas apenas sob a ótica da posse da terra. A anomia dos lugares explica a imprecisão contida nas cartas de sesmarias. A falta de limites precisos gerava contendas entre os sesmeiros. Não se pode atribuir unicamente aos negros a explicação para o pouco interesse, até meados do século XVIII, pela região. A consciência geográfica dos habitantes das Minas setecentistas fundamentou a construção de diversas identidades regionais. Destaca-se a face rural da capitania, seus sertões, currais e campos. O Alto S. Francisco foi ocupado devido às necessidades econômicas e políticas, daquele momento, resultado de um processo maior de expansão. O território começou a ser explorado ainda na primeira metade do século XVIII, com a concessão em 1737 de algumas sesmarias nas cabeceiras do Rio S. Francisco.
Características
  • Autor: Gilberto Marcos Martins
  • ISBN: 9786525209388
  • Editora: Editora Dialetica
  • Edição: 1
  • Encadernação: Brochura
  • Número de páginas: 172
  • Idioma: Português
  • Edição Ano: 2022
  • Data da Publicação: 2022-01-28T00:00:00
  • Formato: 18x26
Avaliações

Produtos visualizados

Carregando ...