Crise no Castelo da Cultura: Das Estrelas Para as Telas
Annablume
Product ID: 557
Product SKU: 557
New In stock />
Crise no Castelo da Cultura: Das Estrelas Para as Telas

Crise no Castelo da Cultura: Das Estrelas Para as Telas

Marca: Annablume

Carregando...
Simulador de Frete
- Calcular frete

?Este ensaio sobre a crise da cultura situa-se precisamente neste movimento de translação da cultura ocidental, da palavra para o número, do logos para o ícon, da ideia para a emoção, do uno para o múltiplo, enfim, das estrelas para as telas. (...) Podemos dizer, com efeito, que a primeira palavra deste ensaio é o fluxo, sendo a última a informação, que também é fluxo. É na passagem de um pensamento preso da individualização, que é substancialista, a um pensamento agilizado pelo fluxo da individuação, cuja natureza é tensional, que situo este ensaio sobre a crise da cultura. A história do Ocidente tem sido, sobretudo, pensamento substancialista. Sujeito à lógica da identidade, estabilidade e autonomia, o pensamento substancialista valoriza aquilo que na história aparece finalizado em coisa ou estado de coisa, assenta no paradigma da visão e tem um registro epistemológico. Por sua vez, o pensamento da individuação inscreve-se na lógica da diferença e valoriza aquilo que na história aparece de um modo não finalizado. Funciona num registro ontológico e assenta no paradigma do fluxo, em que consistem a vivência, a informação, o movimento e o processo, e no paradigma da audição, que é som, ressonância, vibração, modulação, ritmo, cadência, relação, tensão, duração e memória.?

Deixe seu comentário e sua avaliação







- Máximo de 512 caracteres.

Clique para Avaliar


  • Avaliação:
Enviar
Faça seu login e comente.

Características


  • Autor: Crise no Castelo da Cultura: Das Estrelas Para as Telas
  • Coleção/Série: 9788539102624
  • Editora: Annablume
  • Edição: Annablume
  • Encadernação: 2011
  • Número de páginas: brochura
  • Idioma: 274
  • Edição Ano: 1
  • Data da Publicação: português

Confira os produtos